30 janeiro 2004

Outro outro eu

Nunca me conformei com a minhas origens neerdentalesas. Eu sempre quis ser um homem estrangeiro.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial