16 maio 2005

O tartaranhão azulado



É este o tempo
que te é dado.
Um estradão desolado
onde caminhas à toa.
E se por acaso voa
é para longe que voa
o tartaranhão azulado.

(Saíu com rima. Merecia mais o tartaranhão azulado)

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial