12 fevereiro 2006

fábula



De noite, inadvertidamente, ele bebeu-lhe os olhos. Agora ela vê tudo de outra maneira.

0 Comentários:

Publicar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial