16 maio 2006

Uma vaginalista no debate

No debate das maternidades cheguei de madrugada, já a dona Fátima se espreguiçava no banco de bar. Deu para ver as claques. Detesto as claques, as T-shirts com crianças a falar pelos adultos. Vi a dra. Blendina declarar-se uma vaginalista convicta e o Campos, político matreiro, lembrar que a taxa de cesarianas em Barcelos é de 37%, três pontos acima da taxa nacional. Reposta a verdade, ficamos mais sossegados. Sempre me pareceu que não somos o que pensamos ser, o que dizemos ser. Na intimidade das decisões, as nossas opções racionais adaptam-se às circunstancias. A dra Blendina escusa de se declarar vaginalista. Ela queria ser vaginalista, mas na hora da verdade é vaginalista, abdominalista e tudo o resto que deus quiser.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial