09 agosto 2006

O trabalho e a inteligência

Na língua de madeira do futebol uma das palavras fundamentais é trabalho. Quando uma equipa não tem soluções defensivas nem atacantes, faz opções incorretas, não tem executantes à altura das tácticas, não usa os sistemas de jogo adequados ao plantel ou desconhece e menospreza o adversário, joga mal,e perde, aparecem os porta-vozes, treinador, jogadores de proa, dirigentes, e dizem com um ar inexpressivo:
- Temos de trabalhar mais. Só podemos prometer mais trabalho.
Na semana passada Co Adriaanse, depois de uma derrota, declarou, sorrindo, que podiam trabalhar todo o ano, mas que o futebol não se jogava só com os pés, a cabeça e os joelhos. Jogava-se com pés inteligentes, cabeças, pernas, joelhos, ombros inteligentes.
Co Adriaanse foi-se embora. Ao trabalho rapazes. É preciso muito trabalho. Muita humildade e muito trabalho.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial