05 janeiro 2007

Crimes do Perturbado (A suivre)



Depois de ter fechado vinte postos só na região Centro o perturbado da política deixou por colocar 800 funcionários dos Correios. Andaram seis anos a treinar para isto. O perturbado deu uma conferência de imprensa a explicar que tinha comprado o buraco informático do Ministério da Educação, propositadamente para o efeito. O sindicato dos Correios, que ultimamente se destacou na luta contra as impressões digitais, ofereceu os seus serviços informáticos. Colocavam-se à mão numa manhã, no tempo dos cartuchos. Com este erro informático o erário do ministério poupa um milhão de euros. É assim que pensa o perturbado.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial