19 março 2007

Amizade

Se o meu amigo agora fosse
freak eu gostava dele agora freak. E se ele
fosse bipolar eu gostava da sua mansidão
e da sua mania. E se ele
não pudesse falar por ter uma afta
na língua eu habituava-me ao seu silêncio.

0 Comentários:

Publicar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial