17 agosto 2008

Maria Keil vandalizada no Metro de Lisboa






Vem contado no Cantigueiro e depois teve algum eco noutros blogs. Alguns dos painéis de Maria Keil nas estações mais antigas do Metro de Lisboa foram picados e destruídos sem que a autora disso fosse informada. Os advogados da Metro terão justificado a falta de informação e indemnização à autora com o facto de, à data da construção, Maria Keil não ter cobrado honorários.
A ser verdade, trata-se de um conjunto de atitudes insuportáveis. Os administradores da Metro, os responsáveis pela decisão e os advogados espertinhos deviam, fora das horas normais do seu labor, apanhar os cacos, restaurar os painéis e negociar com Maria Keil, ou com quem a represente- que eu não lidava directamente com gente desta- o destino dos painéis.
Até lá, que fique o nosso repúdio, ou que alguém faça chegar a Maria Keil o nosso desgosto.

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial