28 janeiro 2009

Ao primeiro sinal


Diane Arbus



O antigo administrador da Sociedade Lusa de Negócios (SLN) Dias Loureiro afirmou hoje que se demitiria do Conselho de Estado se sentisse que causava algum embaraço ao Presidente da República.
"Formalmente não dependo dele [Presidente da República], mas ao menor sinal de que estava a causar embaraço ao Presidente, demitia-me", disse.

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial