12 agosto 2011

Cartas aos amigos em férias


Foto de André Bonirre


A semana passada o MST disse que se espantava que tivessem ido buscar a nata dos economistas liberais e eles nem soubessem fazer as contas do BPN. Hoje acordei para assistir à conferência de imprensa do Gaspar, do governo Gaspar. Os jornais titulavam : "Governo revela plano de cortes na despesa". Mas as minhas expectativas foram defraudadas. O Gaspar, do governo Gaspar, anunciou mais impostos. Nada de poupanças, mais impostos. Logo a seguir falaram os responsáveis da Troika. Se os puserem a falar muitas vezes e os portugueses ainda guardarem alguma massa encefálica, estas conferências da Troika podem ser altamente pedagógicas. Um dos senhores disse que era ainda precisa muita alteração legislativa, menos direitos para quem trabalha e mais para quem emprega. Outro disse que a TSU deve baixar muito mais do que o governa queria e um estudo muito discutível que encomendara, tinha aconselhado.
Os economistas do Ladroes de Bicicletas escreveram que este estudo era ideologicamente viciado e fraco nas suas conclusões. Se o objectivo é relançar a economia e tornar os produtos mais competitivos não percebo como é que se consegue isso aumentando a electricidade e o gás .
Os Ladrões de Bicicleta dizem que o objectivo do governo é proceder a uma alteração regressiva da repartição da riqueza nacional. E o JPP, na revista Sábado , diz que este governo tem, com os ricos, proximidade e promiscuidade.
Deixem-se ficar na praia. Quando voltarem serão mais pobres, isso podem ter por garantido.

Etiquetas:

1 Comentários:

Blogger at disse...

apercebo-me da roubalheira mas não consigo entender. devia ter ficado na praia.

sexta-feira, agosto 12, 2011  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial