21 novembro 2011

A Bem da Nação - «Governo vai devolver mais de 15 hospitais públicos às misericórdias»







"a actividade das misericórdias [que hoje gerem 18 hospitais] mais do que duplicará", Manuel Lemos, o presidente da União das Misericórdias Portuguesas (UMP)

"A gestão [das misericórdias] não é a do Estado. Se ficarmos com toda a gente, no fundo gastamos o mesmo", responde


“Hoje é um dia histórico"



Etiquetas:

1 Comentários:

Blogger luis reis disse...

Claro, assim se desenvolve a caridadezinha.
Quanto é que custa?Ora, isso logo se vê...
Vai linda esta merda.Não há nada como andar de joelhos...

quarta-feira, novembro 23, 2011  

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial