15 novembro 2007

A mente humana é um estúdio de divertimento


Martin Parr

Se, como se diz, o corpo humano é um campo de batalha, então a mente é um estúdio de entertainment. O que é que explica que A História da Pide tenha merecido dos media uma atenção fugidia e relativa a um aspecto menor (foi a Pide nais benigna que as congéneres das ditaduras europeias de entre guerras?) e o livro dos amores entre Salazar e a Micas, essa coisa sinistra que lembra a pederastia dos anos 50, de sotainas, governantas e afilhadas agradecidas, surgir, recorrente e sem contraponto, nos noticiários e jornais de referência?

(Ver a propósito de A História da Pide, de Irene Flunser Pimentel, Temas e Debates 2007, os posts de Rui Bebiano e João Tunes e os comentários de Irene Pimentel.)

Etiquetas: ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial