04 abril 2008

Um rapaz no asfalto


Jane & Louise Wilson
Skarfaundry, Star City, 2000


Um rapaz no asfalto
caído no asfalto os carros
param uma rapariga ajoelhou-se
há sangue no asfalto
rutilante
é assim que brilha o sangue no asfalto
o rapaz treme no asfalto
de lado e com as pernas
encolhidas uma vez mais vejo o pulso
a um rapaz caído é enorme
a força necessária para estar de pé
hoje em dia mesmo em noites
como esta que anunciam
o verão em que grupos de jovens batem latas
e falam alto nas ruas da cidade e de entre eles
vão sair dois um tem um boné
vermelho como o sangue no asfalto como
o sangue na cara do rapaz caído
no asfalto o outro tem uma mão dura
para quebrar vidros de carros para bater
para fazer com que a vida de um rapaz
que parou por acaso numa rua
amável da cidade
se suspenda numa dor sem gritos
numa poça de sangue
rutilante

Etiquetas: , , ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial